O novo piso salarial do professor: R$ 950

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou, nesta quarta-feira (16 de julho), a lei que trata do novo piso salarial do professor da rede pública de ensino. O sítio G1 traz os detalhes da cerimônia que aconteceu no Palácio do Planalto. A medida deve beneficiar 800 mil educadores.

Nas últimas semanas, o blog Diário de Bordo vem recebendo diversas consultas de professores com pedidos de informações sobre a lei que instituiu o novo piso salarial (R$ 950) para os educadores da rede pública de ensino. Como forma de auxiliá-los e dirimir todas as questões, busquei no Senado Federal e coloco aqui a íntegra da lei aprovada. Uma leitura atenta permitirá esclarecer dúvidas sobre o tema.


Ou, se preferir, leia abaixo a reprodução integral: 

Atividade Legislativa
16 de julho de 2008   Texto integral de Proposições

COMISSÃO DIRETORA

PARECER Nº 612, DE 2008

Redação final do Projeto de Lei do Senado nº 59, de 2004 (nº 7.431, de 2006, na Câmara dos Deputados).

    A Comissão Diretora apresenta a redação final do Projeto de Lei do Senado nº 59, de 2004 (nº 7.431, de 2006, na Câmara dos Deputados), que autoriza o Poder Executivo a instituir o Piso Salarial Profissional dos Educadores Públicos, na forma prevista no art. 206, V, e 212 da Constituição Federal, e dá outras providências, nos termos do Substitutivo da Câmara dos Deputados, consolidando as adequações redacionais aprovadas pelo Plenário.

           Sala de Reuniões da Comissão, em 2 de julho de 2008.

 
ANEXO AO PARECER Nº 612, DE 2008.

Redação final do Projeto de Lei do Senado nº 59, de 2004 (nº 7.431, de 2006, na Câmara dos Deputados).

Regulamenta a alínea “e” do inciso III do caput do art. 60 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, para instituir o piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica.

O CONGRESSO NACIONAL decreta:

    Art. 1º Esta Lei regulamenta o piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica a que se refere a alínea “e” do inciso III do caput do art. 60 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias.

    Art. 2º O piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica será de R$ 950,00 (novecentos e cinqüenta reais) mensais, para a formação em nível médio, na modalidade Normal, prevista no art. 62 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional.

    § 1º O piso salarial profissional nacional é o valor abaixo do qual a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios não poderão fixar o vencimento inicial das Carreiras do magistério público da educação básica, para a jornada de, no máximo, 40 (quarenta) horas semanais.

    § 2º Por profissionais do magistério público da educação básica entendem-se aqueles que desempenham as atividades de docência ou as de suporte pedagógico à docência, isto é, direção ou administração, planejamento, inspeção, supervisão, orientação e coordenação educacionais, exercidas no âmbito das unidades escolares de educação básica, em suas diversas etapas e modalidades, com a formação mínima determinada pela legislação federal de diretrizes e bases da educação nacional.

    § 3º Os vencimentos iniciais referentes às demais jornadas de trabalho serão, no mínimo, proporcionais ao valor mencionado no caput deste artigo.

    § 4º Na composição da jornada de trabalho, observar-se-á o limite máximo de 2/3 (dois terços) da carga horária para o desempenho das atividades de interação com os educandos.

    § 5º As disposições relativas ao piso salarial de que trata esta Lei serão aplicadas a todas as aposentadorias e pensões dos profissionais do magistério público da educação básica alcançadas pelo art. 7º da Emenda Constitucional nº 41, de 19 de dezembro de 2003, e pela Emenda Constitucional nº 47, de 5 de julho de 2005.

    Art. 3º O valor de que trata o art. 2º desta Lei passará a vigorar a partir de 1º de janeiro de 2008, e sua integralização, como vencimento inicial das Carreiras dos profissionais da educação básica pública, pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios será feita de forma progressiva e proporcional, observado o seguinte:

    I – a partir de 1º de janeiro de 2008, acréscimo de 1/3 (um terço) da diferença entre o valor referido no art. 2º desta Lei e o vencimento inicial da Carreira vigente;

    II – a partir de 1º de janeiro de 2009, acréscimo de 2/3 (dois terços) da diferença entre o valor referido no art. 2º desta Lei, atualizado na forma do art. 5º desta Lei, e o vencimento inicial da Carreira vigente;

    III – a integralização do valor de que trata o art. 2º desta Lei, atualizado na forma do art. 5º desta Lei, dar-se-á a partir de 1º de janeiro de 2010, com o acréscimo da diferença remanescente.

    § 1º A integralização de que trata o caput deste artigo poderá ser antecipada a qualquer tempo pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios.

    § 2º Até 31 de dezembro de 2009, admitir-se-á que o piso salarial profissional nacional compreenda vantagens pecuniárias, pagas a qualquer título, nos casos em que a aplicação do disposto neste artigo resulte em valor inferior ao de que trata o art. 2º desta Lei, sendo resguardadas as vantagens daqueles que percebam valores acima do referido nesta Lei.

    Art. 4º A União deverá complementar, na forma e no limite do disposto no inciso VI do caput do art. 60 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias e em regulamento, a integralização de que trata o art. 3º desta Lei, nos casos em que o ente federativo, a partir da consideração dos recursos constitucionalmente vinculados à educação, não tenha disponibilidade orçamentária para cumprir o valor fixado.

    § 1º O ente federativo deverá justificar sua necessidade e incapacidade, enviando ao Ministério da Educação solicitação fundamentada, acompanhada de planilha de custos comprovando a necessidade da complementação de que trata o caput deste artigo.

    § 2º A União será responsável por cooperar tecnicamente com o ente federativo que não conseguir assegurar o pagamento do piso, de forma a assessorá-lo no planejamento e aperfeiçoamento da aplicação de seus recursos.

    Art. 5º O piso salarial profissional nacional do magistério público da educação básica será atualizado, anualmente, no mês de janeiro, a partir do ano de 2009.

    Parágrafo único. A atualização de que trata o caput deste artigo será calculada utilizando-se o mesmo percentual de crescimento do valor anual mínimo por aluno referente aos anos iniciais do ensino fundamental urbano, definido nacionalmente, nos termos da Lei nº 11.494, de 20 de junho de 2007.

    Art. 6º A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios deverão elaborar ou adequar seus Planos de Carreira e Remuneração do Magistério até 31 de dezembro de 2009, tendo em vista o cumprimento do piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica, conforme disposto no parágrafo único do art. 206 da Constituição Federal.

    Art. 7º Constitui ato de improbidade administrativa a inobservância dos dispositivos contidos nesta Lei, sujeito às penalidades previstas pela Lei nº 8.429, de 2 de junho de 1992.

    Art. 8º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

About these ads

Tags: , , , , , , , , , , , ,

108 Respostas to “O novo piso salarial do professor: R$ 950”

  1. Piso de professor pode chegar a R$ 950 « Diário de Bordo Says:

    [...] de professor pode chegar a R$ 950 Os professores podem ter um piso salarial nacional de R$ 950,00 por mês, o equivalente a 2,28 salários mínimos. O projeto que fixa este [...]

  2. cristina Says:

    Esse novo salario é referente a 20 ou 40 horas semanais. Se for a 40 horas não vejo nenhuma vantagem nesse salário, pois em alguns municipios o piso salarial já chega esse valor.

  3. Roberto Cordeiro Says:

    Caros,

    Embora não tenha participação na elaboração do projeto de lei que culminou em lei sancionada ontem (16 de julho) pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no Palácio do Planalto, sobre o novo piso salarial dos professores da rede pública de ensino, temos algumas considerações a fazer:

    1 – Acredito que o objetivo do projeto do senador Cristovão Buarque (PT-DF) foi o de estabelecer um piso nacional para a categoria. Ou seja, equacionar eventuais distorções como a de muitos educadores Brasil afora que recebem menos do que um salário-mínimo.

    2 – Isso vale para a rede pública de ensino no âmbito da União, Estados, Municípios e Distrito Federal. Imagino que para um município com recursos em caixa é fácil conceder piso de R$ 950,00. Porém, as cidades – e são muitas – que têm dificuldades de receitas não se enquadram na tal Lei da Responsabilidade Fiscal (LRF) para atender as exigências salariais.

    3 – Parece que a lei sancionada por Lula estabelece prazo para que Estados e Municípios se enquadrem na legislação. Então, esse novo piso não sairá de imediato em todo o país.

    4 – Sobre se o piso vale para quem leciona 20 horas semanais ou 40 horas semanais, sugiro uma leitura mais atenta no texto. É esclarecedor.

    5 – Com relação a outras matrículas não há explicação. Acredito que cada caso deva ser tratado de forma diferente, embora o assunto seja igual.

    6 – Para os Estados e Municípios que já pagam R$ 950, acho que não muda nada. Como disse anteriormente, o propósito foi retirar lá de baixo os salários inferiores a este valor. O que pode acontecer é o sindicato da categoria tentar elevar este valor em futuras campanhas salariais. Na prática, o recado é o seguinte: nenhum professor da rede pública de ensino no país ganhará menos do que R$ 950.

    7 – Deixo como sugestão ao governo federal, Ministério da Educação ou Congresso Nacional montar uma central de atendimento para esclarecer as dúvidas dos educadores.

    Atenciosamente,

    Roberto Cordeiro

  4. Renato Says:

    Oi, Cristina. Também me faço essa pergunta…..Realmente, muitos municípios já pagam mais do que isso para 40h….Mas para 20h é um piso muito bom..

    Mas o que eu mais gostei foi a limitação de 2/3 em regencia, pois o planejamento é muito importante e fora que tempo para corrigir e elaborar prova é de 1/3 da jornada…….(vide parágrafo 4).

  5. Márcia Says:

    Eu trabalho 24h semanais e de acordo com a minha diretora eu não tenho direito ao novo salário.Ela está correta ou está equivocada?

  6. nádia correa Says:

    Tenho dois cargos de 20 h cada 1, com o piso de 610,00, respectivamente.
    Gostaria de saber se meu piso será de 950,00. Obrigada.

  7. Márcia Says:

    Eu trabalho 24h semanais de acordo com a minha diretora eu não tenho direito a esse salário. Gostaria de saber se ela está certa ou equivocada.

  8. valdirene lúcia Says:

    Caro Roberto Cordeiro, eu li tudo sobre essa lei mas vê se concorda comigo que é um pouco confusa, e peço que me esclareça melhor já que é um conhecedor da lei melhor do que eu, e me responda, pois como muitas pessoas também estou confusa sem saber se este valor é válido para 20h ou 40h, gostaria de um melhor esclarecimento.

    Obrigada,
    Valdirene.

  9. valdirene lúcia Says:

    Aqui segue parte do artigo a que me refiro na Lei: por favor explique melhor…

    § 1º O piso salarial profissional nacional é o valor abaixo do qual a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios não poderão fixar o vencimento inicial das Carreiras do magistério público da educação básica, para a jornada de, no máximo, 40 (quarenta) horas semanais.
    Obrigada,
    Valdirene Lúcia.

  10. Andréa Says:

    Educadaras que trabalha em creche e entidade filantropica com 30 h semanais tem direito ao novo piso salarial?

  11. Claudenice Says:

    A minha dúvida é a mesma.Terei que trabalhar 40h para ter direito ao novo piso salarial?

  12. JOSE BONFIM DA SILVA Says:

    EU GOSTARIA DE SABER , SE O PISO SALARIA DO PROFESSOR QUE TRABALHA , POR 30 HORAS TAMBEM VAI TER ACRESCIMO , OU E SO PARA PROFESSORES QUE TRABALHA POR 40 HORAS .

  13. Roberto Cordeiro Says:

    Caros,
    Mais detalhes sobre esta lei devem ser obtidos no Ministério da Educação ou nas respectivas secretarias de Educação dos estados e municípios. O texto fixa prazo para que alguns estados e municípios se enquadrem à legislação.
    Obrigado pela leitura.
    Dispunham deste blog.
    Se tiver mais novidades, conto-as neste espaço…
    Att.
    Roberto Cordeiro

  14. Almir Marchioni Says:

    Gostaria de me informar se um profissional que tem dois cargos de 20h no município vai ter que optar e ficar com apenas um cargo de 40h. A lei não é clara quanto a isto.

  15. ines sebastiana gulo Says:

    Estou como coordenadora de uma creche municipal, onde os profissionais, prestaram um concurso municipal com nomenclatura, de berçarista e monitor, elas não tem plano de carreira, gostariam de entrar no plano de carreira dos professores, mas a Diretora consultou o Juridico da prefeitura e informou a diretora do departamento de educação, que elas não irão receber este novo salario porque a noemenclatura não é professora ms para prestar este concurso exigia magisterio, sedo as mesma professoras. qual são os direitos destas coitadas que trabalham 40 horas semanais com salario de monitor 700, e berçarista 650 reais onde e como elas podem ter amparo na lei sem serem escravizadas ou seja exploradas

  16. ligia coelho luziano de brito Says:

    sou monitora de creche e so recebo um salario minimo. como posso conseguir que nos pague o que e direito

  17. Marineide silva Says:

    gostaria de saber se esse piso será válido também para quem tem nível superior ou o valor será maior que R$ 950,00.Me esclareça por favor,obrigada.

  18. Rosicleia Moreira Says:

    Gostaria de saber se os professores que passaram 4 anos de sua vida pagando faculdade vai receber o mesmo que um professor de nivel medio,visto ser um piso salarial?

    • Monica Says:

      Trabalho em uma creche conveniada com a prefeitura de são paulo e sou formada em pedagogia e sou registrada com Auxiliar de desenvolvimento infantil e o meu salário é de 810,00, gostaria de saber se o salário está certo e se eles podem me registrar como Professora e não auxiliar? Obrigada
      monica

  19. Elisabete da Rosa Says:

    Olá! Sou formada em educação infantil,trabalho em uma escola do Estado, estou recebendo como não habilitada. Gostaria de saber se me enquadro ou tenho direito ao novo piso salarial?

  20. Educadores de creche Says:

    Gostaria,que houvesse mais clareza no que se diz respeito aos direitos dos educadores de crehe,qual é o real piso salarial desse profissional?

  21. Thatiana -educadora Says:

    Gostatiamos de saber quanto aos valores que integraram o piso. O vale Alimentação e a regencia de classe, já que nem todos os professores os recebem! também estamos curiosos a respeito da pergunta acima (dos educadores 30 horas semanais – 6 horas corridas)!

    obrigada

  22. Mírcia Says:

    Sou monitora de ensino, trabalho as 40 horas semanais dentro da sala de aula juntamente com a professora, meu salário é menos da metade do salário do professor. Qual seria o salário justo, sendo que cuidamos e também educamos?
    Não seria justo termos direito também ao piso igual ao dos professores, já que também somos educadoras.

  23. Valdinéia Says:

    Qual a referência feita na lei para educadores com formação em nível superior com alguma especialização? Nãoquerendo demercer meus colegas com apenas nivel médio, mas também não acho justo o salário sero mesmo.

  24. Ivo Says:

    § 1º O piso salarial profissional nacional é o valor abaixo do qual a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios não poderão fixar o vencimento inicial das Carreiras do magistério público da educação básica, para a jornada de, no máximo, 40 (quarenta) horas semanais.
    § 3º Os vencimentos iniciais referentes às demais jornadas de trabalho serão, no mínimo, proporcionais ao valor mencionado no caput deste artigo.
    Ou seja quem trabalha 20h receberá proporcional ao piso, R$ 475,00.
    Não vejo vantagem nenhuma estão querendo enrolar os professores…………..

  25. Zélia Vilma Pereira Says:

    Vi essa postagem acima, porém, ainda nõ vi nenhu comentário sobre a mesma, peço então se alguém tem conhecimento ou alguma fonte que eu possa procurar prá obter informações sobre casos como este:
    “Estou como coordenadora de uma creche municipal, onde os profissionais, prestaram um concurso municipal com nomenclatura, de berçarista e monitor, elas não tem plano de carreira, gostariam de entrar no plano de carreira dos professores, mas a Diretora consultou o Juridico da prefeitura e informou a diretora do departamento de educação, que elas não irão receber este novo salario porque a noemenclatura não é professora ms para prestar este concurso exigia magisterio, sedo as mesma professoras. qual são os direitos destas coitadas que trabalham 40 horas semanais com salario de monitor 700, e berçarista 650 reais onde e como elas podem ter amparo na lei sem serem escravizadas ou seja exploradas”

    Se alguém tiver conhecimento sobre caso parecido comente…
    Abraços

  26. rosimeire Says:

    sou educadora de creche , trabalho 30hs semanais , o piso salárial de $950.00 é garantido a nós educadoras de creche que tenha o curso tcnico magistério?

  27. Vani Aparecida Says:

    sou professora de educação infantil,formada em pedagogia e pós graduada em educação e meu piso salarial já atinge os 950,00.Sou MAP V . Quero saber como fica essa situação?Meu salário vai aumentar de acordo com meu nível ou permanece o mesmo?preciso de mais clareza nas informações.

  28. Silvana Ilha Says:

    Trabalho em creche, concursada como auxiliar de desenvolvimento infantil,onde em agosto fomos enquadrados no quadro magistéio, trabalho 40 hs semanais, teremos direito ao piso e a jornada continuara a mesma.

  29. Patrícia de Andrade trovó Says:

    Sou professora de Educação infantil, trabalho 24 horas semanais.
    Gostaria de saber se nosso piso salarial também será de R$950,00.
    Por favor, esclareça.
    Obrigada!

  30. Elenir Teresinha De Souca Says:

    SOU PROFESSORA DE ARTES E TABALHO 10HORAS SEMANAIS.
    GOSTARIA DE SABER SE NOSSO PISO SALARIAL TAMBÉM SERÁ DE R$950,00.
    POR GENTILEZA ,ESCLAREÇA ESTA DUVIDA PARA MIM.
    OBRIGADO.

  31. cantidiano carlos dos santos neto Says:

    estamos terminando o ano de 2008 e ainda muitas duvidas a respeito de quem tem ou não tem o direito ao piso e o nivel superior como fica? esta na hora de dar um esclarecimento definitivo melhor a toda esta duvida que estamos enfrentando criando um ar de ansiedade e desconforto na esfera educacional

  32. Tamires Melo Says:

    Com o novo piso do professor, há a possibilidade de alguns governantes se negarem a manter as conquistas e vantagens contidas no PCC, como também as gratificações de pó de giz, localização (difícil acesso), etc. O que pode ser feito legalmente neste sentido?

  33. tilma marques Says:

    Sou professora do ensino fundamental 40horas semanais. Gostaria de saber se o piso salarial de 950,00 é referente 30h? e quem tem 40?por gentileza esclareça esta durvida.aguardo resposta.

  34. Eduardo Says:

    É justamente por isso que a educação nunca será a que merecemos,a não ser que seja privada.Já que quando o salário do professor sobe 60,00 $ e de vereadores que trabalham apenas um dia na semana ganham 3.000 e até mais ,além de terem altissimos salários cada dia sobem mais.É por isso que nunca a coisa melhora.Queria saber se alguém conhece um filho de deputado ou prefeito que estude em escola pública?
    Ou de alguém que seja advogado ou médico sem pelos menos ter passado pelos cuidados de um mestre.

  35. COSTA Says:

    TODOS OS MUNICÍPIOS SERÃO OBRIGADOS A PAGAREM ESSE PISO OU PODE HAVER ALGUMA SACANAGEM?

  36. Maria Marta Says:

    Sou professora em dois cargos, um no município e outro no Estado24h semanais cada .Gostaria de saber como vai ficar a minha situação. Vou ter que deixar um cargo?

  37. luciano alves dias Says:

    preciso saber se professor de creche esta incluido neste piso salarial,sou funcionario publico lotado na educação municipal com formação em Historia,as prefeituras tem que pagar este piso?como nos podemos exigir este piso do nosso novo prefeito? aguardo uma resposta.035 3261 3052 ou 035 84072554

    • josiane Says:

      SE voce souber de alguma coisa me avise porque eu tambem trabalho em creche e gostaria de saber se nos entramos nessse quadro

  38. Manoel Pereira dos santos Says:

    Preciso saber se este piso é para 20 ou 40 horas semanais; e quando que realmente ele entrará em vigor, pois a lei ´deixa muitas dúvidas em suas interpretações, agora em janeiro de 2009 quanto que temos o direito de receber já que até agora ainda não recebi nada deste piso receberei agora um terço ou dois terços ou ainda total? nada mais do Prof. Manoel Pereira dos santos

  39. erivan barros Says:

    Gostaria de saber se é preciso pedir exoneração de outro município, pois muita gente tem 40 horas no estado e 20 no municipio. Como ficará esta disponibilidade que a lei diz que se deve ter dedicação exclusiva em apenas uma escola. Por favor tire-me a dpuvida obrigada

  40. Mariluze Santana Says:

    Gostaria de saber se o professor que tem suas 40 horas e ganham R$ 1.050,00 após esse piso salarial ele terá seu salário aumentado , diminuido ou não haverá alteração para ele.
    Favor se alguém sabe essa resposta me ajude.

  41. ligia Says:

    as monitoras de creche, que tem o magistério e curso superior tem direito ao novo piso salarial? vale lembrar que tb somos educadoras. atenciosamente.

  42. ana carla falconery Says:

    olá sou professora aqui da bahia e gostaria de saber se existe alguma novidade para o piso salarial de professores nivel 4 como eu? será que esse piso nacional será proporcional para os outros niveis???

  43. Maria Says:

    Quando o Estado vai pagar o piso salarial? E um professor com pós graduação, com quarenta horas, que leciona no ensino fundamental e médio, quanto vai ganhar? Pode o governador tirar do salario abono e vale alimentação?

  44. Juliana da Silva Correia Says:

    sou monitora, lecionando em pré escolar, e tenho nivel superior, mas recebo menos que o professor.Esse novo piso salarial inclui monitoras

  45. Rita Rosana Corrêa Says:

    Três Rios, 20 de janeiro de 2009.
    Gostaria de saber se um professor que foi desviada de função por
    problema de saúde, terá direito a este piso, sendo que o laudo medico comprovou que o mesmo não esta apto a volta na suas funções no momento?
    Obrigada.

  46. Maria Eduarda Magalhães Says:

    Até agora não entendi muito bem como fica esse piso , com essa brecha na lei de que tem até 2010 para os prefeitos se adequarem e pagar esse valor de 950. Isso quer dizer que muitos gestores de vários municípios só vão dar esse aumento em 2010, ou será obrigados a pagarem agora, como fica esse pagamento?
    Me expliquem.

  47. miryan braga Says:

    Trabalho em creche municipal,sou agente de desenvolvimento infantil,tenho pedagogia e tbem o magisterio, estou enquadrada no quadro do magisterio, gostaria de saber se tenho o direito de receber os (950,00)tenho uma jornada de 40 horas.
    “Alegam porque sou ADI(Agente de Desenvolvimento Infantl)não tenho direito.
    Poderia me esclarecer esta questão?

  48. Júnia Gonçalves Dos Reis Coelho Says:

    Sou educadora de creche, tenho magistério, gostaria de saber se tenho direito no piso salarial de 950,00. Poderia me esclarecer esta questão?

  49. Susana Máximo Says:

    Olá, sou monitora de educação e trabalho junto com professoras e berçaristas,com jornada de trabalho de 40h semamais,tenho magistério e estou no último ano de pedagogia (2009).Gostaria de saber se monitores e berçaristas também terá direito ao novo piso salarial de R$950,00,pois no meu municipio o salário de R$668,00 para monitor e somos C.L.T e R$600,00para berçarista estatutário e ainda não temos plano de carreira.Poderia esclarecer minha dúvida?Fico no aguardo.

  50. michele esteio roi grande do sul Says:

    oi, gostaria de saber se o professor de magistério tambem tera direito a esse novo piso salárial e tambem se os professores de creche se tem direito a esse no salario.

    obrigado a guardo resposta

  51. jose alexandre de aquino filho Says:

    olha o meu salario base e de 344.72,tenho uma regerncia de sala no valor de 191,52. assim eu trabalho 30 horas aulas entao de quant vai ser meu reajuste?se ele vai pagar 2/3?

  52. Ivonete Says:

    Gosaria de saber quem trabalha em 02 cargos como fica essa situação, não tem como fazer tantas horas semanais.

  53. maria edna da silva Says:

    SOU MONITORA DE CRECHE ENCONTRO ME AFASTADA POR PROBLEMAS DE SAÚDE .AS MONITORAS SERÃO ENQUADRADAS COM O NOVO SALÁRIO MINIMO DE 950 REIS.EXISTE UMA LEI QUE GARANTA A INCLUSÃO, POIS NÃO PEDI PARA FICAR DOENTE E PASSAR POR UM QUADRO DE DEPRESSÃO.

  54. bexigão soares Says:

    O aumento ouvi,mas até agora o dinhero não saiu.
    Não está sendo pago ainda o aumento.
    gostaria de saber quando esse aumento entrará em vigor..
    quem pude me informar,agradeço..

  55. lindinalva Says:

    Este salario de $950,00 e para professores que lecionam vinte horas?

  56. Tereza Paiva Says:

    Gostaria de saber a real situação das monitoras de creche dentro desse novo piso salarial, já que as mesmas não possuem um plano de carreira, apesar de estarem se graduando em Pedagogia?
    Trabalhamos 40 horas e temos salários de 20 horas. Não é justo.

  57. Sici Luiz Says:

    Olha pessoal, moro em Santa Catarina, e aqui a notícia, segundo nosso secretário de educação, é que foi vetado esta lei. Isso significa que este sonho não será realizado. Mas se alguém tiver alguma notícia concreta à respeito disso, peço a gentileza de deixar aqui as fontes.

  58. eduarda/17/02/09 Says:

    gostaria de saber se o município que tem seu piso salarial para seus servidores que possuem apenas o magistério, sendo que, este é inferior a 950,00. diante do que sei, os mesmos terão direito a um aumento de 2/3 da diferença a completar o valor do piso mínimo. Este valor da diferença, corresponde a um percentual de aumento. Minha dúvida é na questão de que, com este aumento proporcional à diferença serão contemplados apenas os profissionais que possuem apenas o magistério ou este contemplaqrá a todos dentro do plano de carreira, pedagogos, especialistas e outros? uma vez que se sabe que é incostitucional aumento salarial apenas a alguns. Ainda, se todos os funcionários possuem curso superior e o piso é pouco além do estabelecido, como fica para a nossa classe?

  59. gilson de oliveira Says:

    sou concursado a um ano pela prefeitura de itaberai no curso do magisterio (01/2008 a 12/2008). So que agora eu ja tenho meu curso superior de pedagogia, mesmo estando em estagio probatorio, gostaria de saber se posso dar entrada com o curso superior para ter uma melhor remuneraçao. Hoje eu recebo 597,00 ja incluso o sedeb que é de 30% sobre o salario

  60. erivan barros Says:

    acredito que este novo salario deveria ser melhor explicito, pois alguns municipios ainda não entenderam bem em relação a carga horaria. Por que o Ministro não vai a rede de tv e explicita melhor.

  61. osmar Says:

    Sou professor com magistério e graduado em pedagogia, sou concursado pelo municipio nosso piso salarial é de R$ 600,00 este ano fui lotado na SEMEC mas fui remanejado ao departamento de Igualdade Racial, gostaria de saber se o meu salário estará incluido ao novo piso, pois trabalho 40h

  62. Danielle Valle Says:

    Afinal de contas, quem terá direito ao piso salarial: quem trabalha 20h ou 40h? E quem tem nível superior, receberá a mesma quantia?

  63. Flávia da Silva Colete Says:

    E quem tem nível superior também será beneficiado???????

  64. daniela dos santos zanella Says:

    Eu fiz um concurso publico em AUXILIAR EM EDUCAÇÂO INFANTIL 40h semanais que pedia curso superior em pedagogia com habilitação plena em educação, mas meu piso salarial é de R$ 494.
    Será que eu vou ter direuto nesse novo piso salarial.
    Obrigada desse ja.

  65. Sara Elma da Silva Pires Says:

    Sou professora do ensino fundamental, com graduação em normal superior, sou efetiva concursada em dois cargos. Trabalho 22:00horas semanais com um piso salárial de 444,00 +gratificação de regencia de 30% em cada cargo. Terei direito no novo piso salarial? Se não, qual seria o piso neste caso em uma cidade como Sete Lagoas?

  66. Andressa oliveira de Jesus Says:

    por favor sou professora da ed. infantil concursada pelo municipio,com esta nova lei da ed. de nove anos, faltou professor no ens. fundamental e sobrou na ed. infantil,então estou emprestada para o ensino fundamental até o final do ano com uma sala minha,e a escola é localizada em dificil acesso.Gostaria de saber quais são os meus direitos salariais.o mesmo do ensino fundamental ou o da ed. infantil. Por favor me responda o mais rápido possivel,desde ja agradeço.

  67. Zelita pereira Says:

    se o prefeito nao pagar esse salario , uma vez que vem dinheiro do fudeb o que fazer?

  68. rosimeire Says:

    qual p verdadeiro salário dos educadores de creche?

  69. rosimeire Says:

    boa noite as educadoras da cidade de paracatu mg ganham um salario de 480.00 reais , gostaria de saber se nós temos direito ao novo piso salarial de 950.00 ,tendo nós o curso magistério nivél médio .

  70. rosimeire Says:

    boa noite as educadoras de crecher da cidade de paracatu mg ganham um salario de 480.00 reais , gostaria de saber se nós temos direito ao novo piso salarial de 950.00 ,tendo nós o curso magistério nivél médio .

  71. Daniela Barella Says:

    Gostaria de saber se esse aumento é para educadoras com magisterio cursando nivel superior.
    Outra pergunta sou de uma creche conveniada e gostaria de saber se eles pode mandar embora por eu não esta formada e sim cursando a pedagogia mas tendo o magisterio?

  72. Renata Camila de Carvalho Costa monitora de creche Santa Cruz do Rio Pardo - SP Says:

    Sou monitora de creche na minha cidade, todas temos formação em pedagogia, não temos plano de carreira e o nosso piso salarial é de $638,00 reais e trabalhamos 40 horas semanais, poderíamos nos enquadrar nessa lei?

  73. Alessandra Lenz Says:

    Olá, sou concursada como auxiliar de creche, trabalho sozinha na sala, como mais ou menos 20 crianças, já que em nossa creche é uma axiliar por sala menos no berçario que são 2. Nossa jornada é 30 horas semanais, sou formada em pedagogiae estou terminando a pós em educação infantil. Gostaria de saber se auxiliares de creche tambeém tem direito ao piso salarial de R$950,00, pois em meu município não exige nem o 2º grau, e o ´salário para essas é de R$ 480,00, e o meu com formação em pedagogia é de R$700,00. e ainda não temos plano de cargo e carreira. E fui conversar com a secretária de educação e ela falou que era pra mim procurar meus direitos e se não estava satisfeita tinha muitas pessoas querendo o meu lugar. Por favor me ajdem desde já muito obrigada e aguardo resposta.

  74. Adriana Says:

    Trabalho em uma creche filantrópica e gostaria de saber se tenho direito ao piso salarial de 950,00?

    • Amanda Pena Says:

      Olá. Vc conseguiu resposta. pois, tb trabalho em creche conveniada. E além da prefeitura não pagar a condução ainda não temos nem direito ao salário família, pois, como o piso é de 700,00 é negado esse direito. Quem trabalha em creche vai receber este aumento?

      OBRIGADA.

  75. adriana Says:

    Intituições filantrópicas como creches tem direito ao novo piso salarial?

  76. Ana Elisa Says:

    Sou monitora concursada na prefeitura ,trabalho com crianças de 0 a 2 anos e recebia pelo 60% do FUNDEB agora com a atual administração nós passamos a receber pelos 40%.Queria que me dissesem se realmente não podemos receber pelos 60%. Espero ancisamente pela resposta.

  77. valdelira Says:

    Sou professora do ensino fundamental II tenho pos graduação e recedo 840, mensais com a implantação do piso salarial, meus colegas que não tem pos graduação passaram a ganhar a mesma coisa que eu. O secretário de administração alegou que os professores que tem pos não receberiam aumento, pois o salário não pode ser superior a 950. gostaria de saber como os professores que tem graduação vão ficar, e se vamos ter fiscalização para que as coisas ocorra com transparencia.

  78. neurismar de souza lobo Says:

    Eu suo pauxiliar de professor,tenho o magiterio ,sou graduada e pós-graduada e gostaria que fosse imformada se tenho direito ao piso salial,s

  79. jose gilberto da silva Says:

    Eu sou professor na rede publica (estadua e municipal), somando 40 hora para cada uma das escolas em que laciono. Pergunto: este piso salarial que tanto se discute servirá para mim simente porque tenho um somatorio de 40 horas em duas escolas distintas? ou receberei apenas por educador no estado ou educador no municipio?
    Aguardo atenciosamente esclarecimentos…
    muito grato: professor gilberto.

  80. sonia Says:

    Os professores que são pós graduados e já recebem mais que 950.00 vão permanecer ganhando igual a um professor que só tem o segundo grau? Não vão receber por tantos anos de luta dentro de uma faculdade? Se tanto se prepararam pra desempenhar melhor a profissão, como é que fica está situação?Espero uma resposta.

  81. MARCIA DE CARVALHO Says:

    Sou professora de cei conveniada gostaria de saber se este aumento de 950 seria para nos da rede conveniada e se teremos mudanças em hora de trabalho, sendo que trabalhamos 8 horas semanais

  82. Flavia Renata Says:

    Sou professora de educação infantil em uma creche filantropica. Trabalho 8 horas por dia, no total de 40 horas semanais. Meu salario é de 590,00 reais. Gostaria de saber se esse é o valor correto do piso salarial de professor. Obrigada. A creche que trabalho é privada.

  83. cleusaferreira Says:

    sou monitora Pos-graduada ,efetiva, a secretaria de educação com a nova lei do plano de carreira falaram que não tenho direito de receber com o meu nivel de estudo ,porque no municipio existe monitor 1 ,2, mas no plano so fala monitor, e com isso sera que os 100 monitores efetivos vão conseguir receber este salario de 950 .pois os que estão fazendo o plano dizem que não .São professores ,vão receber 3x este salario,e dissem que eles tem direito porque a monenclatura é professor.Qual a diferença se ambas estudaram?

  84. cleusaferreira Says:

    sou monitora pos-graduada,vou receber os 950 reais do novo piso salarial.

  85. Naide da Silva Says:

    olá tudo bem.sou concursada para monitara de creche com 40 hrs semanais, e estou cursando pedagogia para educação infantil, gostaria de saber se há possibilidade de ser enquadrada para professora, sem fazer outro concurso, e qual a lei que ampara o enquadramento. obrigado aguardo a resposta

  86. Amanda Pena Says:

    ALÉM DAS CRECHES NÃO ESTAREM ENQUADRADAS NESSE AUMENTO,A PREFEITURA NÃO PAGA NEM A CONDUÇÃO.
    O “BRASILEIRO” PRATICAMENTE (PAGA) PARA TRABALHAR!!!

  87. MARCIA DE CARVALHO Says:

    vc não responde nd em…..

  88. Patricia Says:

    Sou formada em Pedagogia e Pós-Graduada em Alfabetização, sou professora numa escola de educação infantil na rede privada na cidade de Porto Alegre-RS.
    Gostaria de saber se o piso salarial de R$950,00 equivale também para rede privada?
    Aguardo retorno.
    Muito Obrigada

  89. josiane Says:

    sou monitora educacional . tenho direito a esse salario??????????

  90. Jeneffer Says:

    Olá gostaria de saber qual é o piso salarial de uma professora de Ed. Infantil, e monitor e auxiliar de classe em escolas particulares em Campinas-SP?

    Fico no aguarde de uma resposta.

  91. Marta loureiro de Souza Says:

    Boa tade!
    Sou professora de Educ. Infantil em um CEI conveniado com a prefeitura, gostaria de saber qual é o nosso piso atualmente ou seja qual foi a porcentagem do nosso disídio para este ano;
    Também gostaria de saber se nós que somos formados em pedagogia não temos o direito de receber um salario diferenciado por conta da graduação

    Atenciosamente agradece, Marta.

  92. edilza souza carvalho Says:

    Boa noite
    Sou professora de Educ. Infantil em um CEI conveniado com a prefeitura, gostaria de saber qual é o nosso piso atualmente ou seja qual foi a porcentagem do nosso disídio para este anode 2009
    Também gostaria de saber se nós que temos magisteriovamos poder atuar na rede

  93. NILDE FERREIRA Says:

    BOM dia sou professora, aqui na minha cidade o salário de professor e uma vergonha; gostaria de saber se a partir de 2010 os prefeitos terão a obrigatoriedade de pagar o piso de R$ 950,00 que pelo andar da carruagem e reuniões feitas com a secretaria me parece que nao tem previsão de acontecer;;;;; outra duvida todo mes vem o fundeb para as cidades em que este dinheiro pode ser investido???? na nossa ciadade nao estamos recebendo,,,,, acho que deveria ser feita uma fiscalização minuciosa a respeito desse dinheiro…. onde este dinheiro esta indo;;; desde ja agradeço….

  94. Mônica Says:

    Olá, Trabalho com uma turma de 5º ano, com carga de 21h semanais, sem direito ao intervalo, com piso de Cr$ 6,50h/aula.Ouvi dizer que o
    piso de Cr$950,00 iria abranger a rede privada. Mas de acordo com o texto,esta informação não é precisa , pois cita apenas a rede pública.
    Alguém poderia esclarecer algo sobre este fato??..Obrigada.

  95. Hilda Says:

    Até quando nossos legisladores e o Ministério da Educacão ficarão surdos e cegos ã discriminacão que sofrem os monitores de creche, que mesmo habilitados e exercendo a funcão de professor em creche, continuam discriminados sem poderem fazer parte daa carreira do magistério?
    Esses profissionais já estavam em creche antes da legislacão vigente, a exigência de professores é recente.
    Enquanto não hover uma legislacão de transicão específica para esses profissionais,os mesmos continuaram a ser exploradosem seus direitos.

  96. Shirley Says:

    Sou professora de contrato temporário em Caruaru _PE, nosso ilustríssimo prefeito irá começar a pagar o novo piso este mês apenas aos efetivos, disse que nós contratados não temos direito, isso está correto? Pois sabemos que os municipios vizinhos está pagando, independente de ser contratado ou não!!!!

  97. jesy Says:

    Boa tarde,

    Sou monitora de creche ,concursada , obs (não efetiva),na cidade de Piumhi – mg.
    Este ano passamos para o Setor de Educação.
    Agora fazemos parte da Educação Imfantil.
    Sou formada em Magisterio , Magisterio Superior e pós em Pscopedagogia.
    A pergunta é – Nós munitoras de creche da rede municipal (Educação Infantil) Teremos o mesmo valor do piso salarial das Professoras?

    Obrigado

    Jesy

  98. Prof. Daniel Bittencourt Says:

    Eu acho que, quando implantarem esse piso ou ele já estará dwsvalorizado ou a RECEITA MUITO FEDERAL vai comer uma bela fatia COMO dempre. Neste país os professores não têm anêmia pois levam ferro diáriamente. Todas as pessoas passam pelas mãos dos professores, só que, a maioria delas acaba esquecendo disso, é a ingratidão humana.

  99. rosa cristina Says:

    olá, trabalho há 7anos como assistente de creche, sou formada em pedagogia, e desde então estamos lutando para fazer parte do quadro do magistério mas alegam que temos que prestar concurso para professor, o que é um absurdo pois trabalhamos 40horas semanais e fazemos tanto o papel do cuidar como o do pedagógico.
    somos em 43 ao todo no município e somente 4não possui habilitação, gostaria de saber como devemos agir para ter direito ao piso e sermos reconhecidas!!!!

  100. deusinete simplicio Says:

    gostaria de saber com fica as gratificações, se encorporadas ao vencimentos ou a parte.

  101. Deusinete Simplicio Says:

    Gostaria de saber como fica as gratificações, se encorporadas ao vencimento ou a parte.

  102. Susana Favero dos Santos Says:

    Olá, sou monitora de educação e trabalho junto com professores e berçaristas, com jornada de 40 horas semanais, tenho magistério e estou cursando pedagogia. Gostaria de saber se o ” monitor” também é um ” educador ” infantil? E se o monitor também tem o direito do novo piso salarial que é de R$ 950,00 , pois o plano de carreira municipal da minha cidade está sendo aprovado e nós monitores estamos sendo qualificados como serviço geral. Porém vamos ter que educar. É certo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: