Ação Global

O Brasil amanhece sob a mobilização de milhares de voluntários na Ação Global, política de responsabilidade social do SESI (Serviço Social da Indústria) e a Rede Globo. Em 30 pontos espalhados pelo país são esperados 1,1 milhão de pessoas. A previsão é de 2,3 milhões de atendimentos em serviços que vão desde médicos e odontológicos às atividades de esporte e lazer. O que se vislumbra com isso é a participação da classe média no auxílio à população carente.
 
Deste modo, por exemplo, é possível dar cidadania aos mais necessitados. Aquele que não tem a carteira de identidade, a certidão de nascimento, ou coisa do gênero, encontrará a porta aberta para obter o documento tão necessário para conseguir emprego. Por isso, 40 mil pessoas estarão envolvidas durante o dia nessa campanha.
 
A edição nacional da Ação Global já beneficiou 36 milhões de pessoas num período de 15 anos. Em 2008, 2.621 instituições estarão envolvidas nesse mega-projeto que além dos serviços básicos, permitirá ao cidadão o corte de cabelo, avaliação física, além de cursos e palestras sobre economia de energia, costura de bolsas, pintura de parede, feitura de pão brioche, etc e tal.
 
E qual é o critério para a escolha da comunidade que receberá a Ação Global? O princípio basilar, segundo contam os organizadores do evento, é que o local tem que ser carente. A população pobre, de baixa renda, é o alvo dessa campanha. Em Brasília, a capital que tem bolsões de riqueza, como o Lago Sul, uma das maiores rendas per capta, o programa de responsabilidade social ocorrerá no Itapoã, entre Sobradinho e Paranoá. Lá, 85 mil pessoas vivem em condições de carência.
 
Fruto da maior invasão de terra candanga, Itapoá faz jus para ter a Ação Global. A expectativa é de 90 mil atendimentos, de 9h às 17h, no espaço da Escola Classe nº 1. Uma das novidades desta edição é o projeto Construção Civil Itinerante. Naquela comunidade, uma casa vai ser recuperada. Receberá nova fachada. O mutirão contará com a participação de 40 moradores da comunidade.
 
Como fazer para participar da Ação Global? Os voluntários já se cadastraram. Porém, a pessoa que tiver tempo disponível e quiser visitar Itapoá, poderá acompanhar in loco o trabalho que vai ser desenvolvido nessa data nacional. Nos 26 estados, as emissoras da Rede Globo e suas afiliadas divulgam os locais onde ocorrerão estas ações. Um bom programa para o sábado.

Anúncios

Tags: , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: