Os sargentos gays do SuperPop

O sargento Laci Marinho de Araújo, preso na madrugada de ontem (4 de maio), foi transferido do hospital militar, no centro de São Paulo, para Brasília. Laci foi detido quando concedia entrevista ao programa SuperPop, da RedeTV!, sobre o seu relacionamento homossexual com o também sargento Fernando de Alcântara de Figueiredo.

Segundo o Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe), os militares, que têm relacionamento estável há mais de 10 anos, foram colocados num helicóptero e transferidos para a Base Aérea de Cumbica, no município de Guarulhos. Da base militar, Laci e Fernando teriam embarcado num avião da FAB com destino a Brasília. Provavelmente devem ter sido levados para o Hospital das Forças Armadas (HFA).

O Condepe anunciou que apresentará recurso ao secretário nacional de Direitos Humanos, Fernando Vanucchi, da Presidência da República, para que interceda junto ao ministro da Defesa, Nelson Jobim, em favor do sargento considerado desertor pelo Exército. Sobre o assunto, Jobim, que já foi presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), declarou à imprensa: “O problema não é a discriminação. A questão é verificar se o caso concreto se aplica às regras disciplinares do Exército.”

A mobilização que acontece entorno do caso do casal militar gay deve colocar o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) em cena. Ainda segundo advogados do conselho estadual há uma tentativa de contatar Suplicy para que o parlamentar venha a acompanhar o assunto.

O sargento Laci assumiu a homossexualidade em entrevista ao repórter Rodrigo Rangel, da revista ÉPOCA. A reportagem é assunto de capa da publicação paulista. Por causa disso, a produção do SuperPop convidou os militares a participarem de entrevista na noite da última terça-feira. Quase ao término da atração, a apresentadora Luciana Gimenez foi informada que o prédio estava cercado por tropas da Polícia do Exército (PE). Laci entrou em desespero, inclusive anunciando que se mataria.

Leia também no Diário de Bordo:

Exército baixa o pau no SuperPop

O Exército é SuperPop

Lula e o casal militar gay

Anúncios

Tags: , , , , ,

5 Respostas to “Os sargentos gays do SuperPop”

  1. helton Says:

    ele nao falou que se mataria, ele falou que iriram matar ele

  2. Suely Quartzo Says:

    Acredito que apesar do desrespeito dos militares gays contra o serviço militare, eles tiveram razões para isso, pois o que entendo sobre ditadura, para a história do Brasil este sistema foi anos atrás e para a sociedade hoje vivemos em regime de democracia; porém quem miliitares que servem as Forças Armadas e civis que trabalham para o MD sabem que a historia não é bem essa.
    Ainda existe perseguições àqueles que mostram para os poderosos oficiais que os anos mudaram e que temos direitos e deveres; então parabeniza o coragem do casal por ter coragem para enfrentar essa política autoritária e preconceituosa; como também parabenizo o repórter Rodrigo Rangel pelas suas reportagens e o alerto cuidado com as Forças Armadas, para eles a ditadura não acabou.

  3. Suely Quartzo Says:

    Acredito que apesar do desrespeito dos militares gays contra o serviço militar, eles tiveram razões para isso, pois o que entendo sobre ditadura, para a história do Brasil este sistema foi anos atrás e para a sociedade hoje vivemos em regime de democracia; porém quem os miliitares que servem as Forças Armadas e civis que trabalham para o MD sabem que a história não é bem essa.
    Ainda existe perseguições àqueles que mostram para os poderosos oficiais que os anos mudaram e que não temos só deveres temos direitos também. Eles controlam a vida das pessoas e quem não aceita o sistema é perseguido até que seja punido, mesmo não sendo culpado.
    Parabenizo a coragem do casal por enfrentar essa política autoritária e preconceituosa; como também parabenizo o repórter Rodrigo Rangel pelas reportagens e o alerto: “Cuidado com as Forças Armadas, para eles a ditadura não acabou”.

  4. Míriam Says:

    É uma pena que grande parte dos telespectadores do fatídico dia em que os Sargentos Fernando e Lacy se apresentaram no SuperPop até hoje não perceberam o que realmente aconteceu.
    Bem, como sou sou amiga pessoal dos dois, posso falar de cadeira, aliás, estou sentada mesmo.
    A verdade: Ligaram para o Sargentos Lacy, depois da capa da Isto É, oferecendo uma entrevista no programa com a Luciana. Ele alegou que estava foragido e que poderia ser preso a qualquer momento durante a apresentação do programa. Eles PROMETERAM que ele seria retirado da Emissora, antes de o fato ocorrer, e não faram em momento algum que, perto dalí existia um Batalhão. O que pudemos ver ao vivo é que foi armada uma “arapuca” para prendê-los. Isso pode ser constatado pelos seguintes fatos: hoje se sabe que a emissora comprou somente a passagem de ida deles. O Sargento Fernando teria que se apresentar no trabalho, no dia seguinte, às 7:00hs. Pelo combinado, ele voltaria no primeiro vôo do dia seguinte, o que daria tempo suficiente para se apresentar. Já no início do programa ele disse de forma “suspense” que eles poderiam ser presos. Eles me contaram que, enquanto estavam apresentando simultaneamente a imagem deles na TV e a dos carros do Exército chegando, eles não estavam sabendo de nada o que se pode concluir que a gélida apresentadora estava “enrolando” os dois na tentativa de dar tempo … pros militares, é claro. Ela perguntou no ar se o músico era “do Exército”, coitado, se fosse… O mandado de prisão chegou por meio do Fax da Emissora. Bom, sou mãe e ela também. Espero que o filho dela não encontre pelo camimho pessoas como ela: oportunista, falsa e mendiga de ibope.

  5. lourdes Says:

    Como dizem na imprensa e se comenta por ai afora pra quem ja fez tanta coisa pra ganhar dinheiro e fama,usar pessoas pra dar ibope pra este programa lixo não e nada.
    Só pedir à DEus que proteja o filho dela da ignorância desta mulher idiota,que se faz de burra pra ganhar ibope, quando sabemos, (nós, os providos de memoria) que não se dá conta que quando pecamos desta forma quem sofre são nossos filhos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: