A revolução dos nossos filhos

 

convitelanefbfbdamentolivrofac

Jornalistas, artistas, publicitários, cineastas, ou simplesmente aqueles cidadãos que gostam de conhecer um pouco da história do País dos anos 80, têm um encontro marcado num dos melhores points de Brasília: o Espaço Cultural Renato Russo, na 508 Sul. Para quem mora na cidade, o endereço é esse mesmo: 508 Sul. Mas, os que chegam ou estão pelas redondezas, vindos de outras cidades, têm opções de táxis ou ônibus ou até mesmo uma carona com amigos.

Pela W3 – que corta Norte a Sul as Asas de Brasília – é o caminho mais fácil. Pela ampla avenida o ônibus Grande Circular leva ao Espaço Renato Russo. O táxi é uma opção mais cara, mas um transporte seguro nesta noite de lançamento. Isso mesmo: depois de penar, de buscar apoio, o mineiro e jornalista – ou seria jornalista e mineiro? – Patrick Selvatti lança a primeira obra “Os Filhos da Revolução”, 210 páginas, impresso na Qualidade Gráfica e Editora, com o patrocínio do Fundo da Arte e da Cultura (FAC), da Secretaria de Cultura do DF.

Confesso, meio orgulhoso, que acompanhei algumas das mais importantes etapas da gestação deste livro. Também, pudera! Se dedicar a escrever livros, neste País, é uma luta desigual. Ser autor no Brasil é algo que impressiona a qualquer cidadão. Mas o filho de dona Maria de Fátima e do ‘seu’ Geraldo Melo conseguiu chegar lá e, hoje à noite, estará no Espaço Renato Russo, na 508 Sul, autografando o seu primeiro livro: “Os Filhos da Revolução”.

Ao mesmo tempo em que apresenta sua obra a Brasília, Patrick Selvatti chega numa noite cabalística, bem especial. Dia 29 de outubro de 2008, é para comemorar também os seus 29 anos. Então, Patrick une o útil ao agradável. Recebe os amigos para os parabéns e mostra à cidade o fruto de seu trabalho, um livro que, apesar de ficção, não será surpresa para os brasilienses se enquadrar em quaisquer dos personagens.

E este jornalista e também amigo, que conhece bem as dificuldades do caminho da literatura, pois, tinha 17 anos quando tentei publicar um livreto com algumas poesias, em Santo Antônio de Pádua, interior do estado do Rio, ficará no leito do hospital onde recupera a saúde após mais de duas semanas de internação e com todas as recomendações médicas para que evite as fortes emoções.

Mesmo com minha ausência, Eliana – a minha patroa – e Luíza –, a minha sobrinha de estimação (que as outras não fiquem com ciúmes, pois, gosto de todas), estarão representando nossa família.  Resta-me ficar na torcida pelo sucesso do evento. E, para fazer o convite aos milhares de leitores deste Diário de Bordo, contrariei todas as recomendações médicas que pediam repouso, acordei pelas quatro da matina – como faz todo o caipira que se prepara para ir pra roça – para produzir este texto panfletário.

Vá saborear um bom pão de queijo com cafezinho. De quebra, conhecerá “Os Filhos da Revolução”, uma oportunidade única para esta noite de quarta-feira, no Espaço Cultural Renato Russo, na 508 Sul. Terá também oportunidade de trocar idéias com o autor e outros integrantes das comunidades mineira, carioca, fluminense, goiana e os legítimos brasilienses. É a garantia de uma excelente noite.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

3 Respostas to “A revolução dos nossos filhos”

  1. Patrick Says:

    Nem tenho palavras para agradecer o carinho.
    Que Deus te traga de volta ao nosso convívio!
    Grande abraço!

  2. suzanaleite Says:

    Cuidado Roberto… Não podemos encher a bola do mineirinho de Lavras assim. Ele fica muito cheio! (rsrsrs) Suzy

  3. Vanessa Junqueira Says:

    Estou imensamente orgulhosa de vc!!!!
    E anciosa para ler esse livro, que promete!!!
    Muito sucesso sempre!!!!
    Saudade demais de vc!!!
    Beijossss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: