A bola da vez

edirlula

A partir do momento em que as denúncias no Senado começam a ser arquivadas e tornam-se mais distantes as punições aos culpados pelos desmandos, a mídia tupiniquim procura a “bola da vez”.  Ou seja, sai à cata de assunto “escandaloso” que mude o foco do noticiário. Na prática, isso deve ser recebido com louvor pelo presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e sua tropa de choque.

Então, fica combinado mais ou menos assim: a Suderj informa – sai José Sarney e entra Edir Macedo no rol de temas escabrosos. O líder máximo da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) volta a ocupar as manchetes a partir de denúncias do Ministério Público do Estado de São Paulo.

Na noite passada, Macedo e seus nove executivos mereceram uma longa reportagem no Jornal Nacional da Rede Globo, reprisada no Jornal das 10 da GloboNews, todas emissoras das Organizações Globo, interessada direta em impedir o crescimento da Universal e, por tabela, a Rede Record. Os jornais O Globo (Organizações Globo, mais uma vez), Folha de S. Paulo (que tem sociedade com os Marinho em alguns empreendimentos) e O Estado de S. Paulo, entraram na empreitada.

Não se pretende, neste espaço, defender Edir Macedo e a IURD contra o ataque da grande imprensa. De certo, discordo das práticas universais da igreja que cresceu de forma surpreendente nas últimas décadas. O que se alerta é para a busca de escândalos para alimentar o noticiário. Ou seria melhor observar pela ótica de um acórdão nas seguintes bases: as empresas de comunicação mudaram o foco da política para a religião como forma permitir à população o esquecimento. Será?

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Uma resposta to “A bola da vez”

  1. juniamagalhaes de almeida Says:

    Quem é o culpado pelo prosperidade dessa Ceita? O Poder Público sem dúvida.

    Quando o poder público falha não propiciando ao povo condições mínimas de existência alguns vão para o crime e outros vão para igreja universal e outras do genero atrás de esperança que através de Deus consigam o seu lugar ao sol. O poder de persuasão desses pastores em cima de uma cabeça despreparado é uma arma invisível. Produz mais efeitos do que os “discursos” do Nosso Guia. A prova é que Lula sabe disso e vai se aproveitar da penetração dessa Igreja para conseguir votos para a Dilma.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: