Posts Tagged ‘labrador’

O passeio de Waldick

janeiro 17, 2009
Waldick saiu do quintal e passeou pelo bairro (foto Eliana Buchaul)

Waldick saiu do quintal e passeou pelo bairro (foto Eliana Buchaul)

Enfim, Waldick saiu da quarentena. Após tomar quatro vacinas e receber os medicamentos contra vermes, o nosso labrador pode deixar o quintal de casa para um merecido passeio pelas redondezas do bairro onde moramos. E ele estava bem comportado. Fez o trajeto em reconhecimento do lugar. Correu atrás dos pombos, se assustou com outros cães que fizeram uma sinfonia de latidos para ele, cheirou, lambeu e voltou para casa.

Confesso que não tinha tanta admiração por animais. Estamos nos dando muito bem. Waldick é um bom companheiro de caminhadas. E agora elas serão mais frequentes. Temos excelentes motivos para seguirmos com a parceria. Aos poucos – acredito que será assim – o nosso cão poderá sair da coleira para uma caminha mais à vontade.

Li três jornais hoje cedo. Ainda tenho compromisso em ler mais três edições diferentes. Nada muito novo. Então, deixo um bom dia a todos!

Anúncios

Waldick & Nós

dezembro 25, 2008
Waldick é o nosso labrador

Waldick é o nosso labrador

O dia de Natal é interessante. Muitos ganharam pouco e poucos estão embolsando muitos presentes. E uma versão tupiniquim para o livro “Marley & Eu” acontece aqui em casa. Seria então: Waldick & Nós. Aprendi a gostar dos animais. Temos um labrador e um canário belga (Tico) que fazem a alegria de nossa casa.

(more…)

O cão

novembro 9, 2008

Muito antes do cachorro de Bush ter tirado um pedaço do dedo de um jornalista em Washington e de o presidente eleito do EUA Barack Hussein Obama ter dito que o vira-lata seria o totó ideal para morar com a família na Casa Branca, aqui em Brasília estávamos em missão para adotar um cão.

Após semanas de conversa – e bota conversa nisso! – decidimos pela raça labrador. A patroa e a sobrinha já se incumbiram da escolha do filhote. Desembolsaremos uns R$ 260. Contava com a foto da família que deveria ter sido feita para ilustrar este texto, mas não foi possível, pois, esquecemos a máquina fotográfica.

De qualquer modo, como o labrador vai ter um convívio mais duradouro com a nossa família, fica a promessa de futuras imagens. Assim como uma espécie de álbum de bebê canino. Mas, confesso que o difícil foi escolher o nome.

Após discussões salutares, consultas e outros embates, quis fazer uma justa homenagem a um dos artistas mais importantes do nosso cancioneiro popular falecido este ano. Sim, o nosso labrador se chamará Waldick. E eu não sou cachorro não.